Visitamos o Caldeira Restaurante na cidade de Bento Gonçalves na Serra Gaúcha e tivemos uma experiencia gastronômica fora do convencional. Vem com a gente que te contaremos tudo!

O Caldeira Restaurante consegue a façanha de ficar escondido mesmo estando no centro de Bento Gonçalves, bem pertinho do L’America Shopping. Localiza-se em um prédio residencial na Travessa Antônio Ducati. A rua não tem muito movimento mas é bem acessível e conta com estacionamento fácil. Para entrar basta tocar a campainha e aguardar o recepcionista.

O conceito do ambiente é basicamente intimista já que nos encontramos em uma residência à portas fechadas e com poucos lugares disponíveis. Por este motivo reservar seu jantar se torna essencial para não ter que ficar estacionado nas longas filas que se formam, principalmente aos finais de semana.

Ao contrário da maioria dos estabelecimentos da Serra Gaúcha aqui você não encontrará aquele ambiente italiano típico, o estilo da decoração é eclético e requintado. O balcão lembra um pub rústico com várias caixas de fruta penduradas no teto. O mezanino nos remete a um bistrô londrino com sua inspirada parede de quadros. O salão projetado em madeira e cimento queimado com um banco preso na parede nos leva diretamente a um restaurante nova iorquino descolado.

Sem sombra de dúvidas boa parte do sucesso deste restaurante vem de seu proprietário, Rafael Caldeira. O Rafa, como é carinhosamente chamado pelos clientes, é uma pessoa gentil e afetuosa que recebe a todos com um abraço forte ou um firme aperto de mãos. Tanto ele quanto os demais funcionários proporcionam um atendimento personalizado muito atencioso.

Apesar da inspiração do Caldeira Restaurante ser baseada em experiências ao redor do mundo, a gastronomia tem foco no comfort food, aqueles pratos simples e bem preparados que poderiam ter sido feitos por nossa mãe, avó ou aquela tia que nos quer bem.

Os pratos normalmente são para duas pessoas, entretanto, tem a opção de meia porção por 60% do valor final. Todos clientes são recebidos com o Couvert cortesia, em nossa visita foram deliciosos pães caseiros recheados.

Para iniciar a noite pedimos a Provolera, queijo provolone ao estilo uruguaio, derretido na tradicional provolera de cerâmica e entregue à mesa ainda borbulhando. – R$ 30,00 em 12/2017 –

O prato principal ficou com o famoso Ossobuco ao Molho Vermelho e Ervas, o mais pedido por aqui. Trata-se de uma receita inspirada em uma das viagens de Rafael ao Mercado Público de Florença. O cozimento por quase 3 horas do músculo envolto no osso e o aroma que toma conta do ambiente se completam com a linda apresentação em uma panela de ferro. – R$ 87,00 porção para duas pessoas, nas fotos meia porção: R$ 53,00 (valores em 12/2017) –

O ossobuco vem acompanhado de polenta cremosa com requeijão, mas não pense que aqui o clássico italiano é coadjuvante, bem pelo contrário, este complemento é essencial para que a experiência torne-se extraordinária.

Além da polenta o ossobuco também tem como acompanhamento uma salada de folhas e cebolas com redução ao vinho e farofa caseira de pão. Apesar de ser indicada para duas pessoas, a refeição serve tranquilamente três adultos.

Aproveitamos nossa visita para experimentar outra especialidade do Caldeira Restaurante, o Congrio a Belle Meuniére. Filé de congrio ao molho de nata com champignons, alcaparras e camarões, tudo isto enfeitado com uma orquídea. Dá fome só de olhar a foto, não é? – R$ 98,00 porção completa – Na foto meia porção R$ 59,00 em 12/2017) –

Este prato tem como acompanhamento arroz branco e batatas, mas fica muito bom também com a salada que vem junto com o ossobuco.

Para sobremesa temos duas dicas. Se você é menos aventureiro no sentido gastronômico o Entremet é a escolha perfeita. Este doce tem muito chocolate e um toque delicado de limão que faz toda a diferença. – R$ 25,00 em 12/2017 –

Já se você deseja experimentar algo novo aposte no Sorvete de Creme com Calda de Vinho e Cebola. A sobremesa que tem o nome autoexplicativo não é unanimidade entre os paladares, mas ao mesmo tempo é uma ousada incursão ao mundo dos experimentos gastronômicos.

O carpaccio de cebola é murcho em uma frigideira e depois cozido em calda de vinho com especiarias criando um fenomenal contraste de sabores com o “simples” sorvete de creme. – R$ 15,00 em 12/2017 –

O Caldeira Restaurante é sinônimo de excelência desde o atendimento até os pratos. Uma ótima experiência gastronômica que pode ser apreciada em qualquer situação, sozinho, em casal, em família ou com amigos. Reserve com antecedência e peça qualquer coisa do cardápio, são grandes as chances de você sair muito feliz.

Não perca nada desta viagem pela Serra Gaúcha, atualizamos constantemente novas matérias neste link: comerdormirviajar.com/tag/serra-gaucha

Você encontrará nossas fotos no instagram.com/comerdormirviajar
Para ver tudo o que postamos durante esta viagem basta buscar pela tag #CDVTripfenachamp2017

Caldeira Restaurante
Tv. Antônio Ducati, 138
Cidade Alta
Bento Gonçalves
Rio Grande do Sul – Brasil
+55 54 3701 0272
restaurantecaldeira.com.br

Mais uma experiência fascinante em nosso álbum: Mãos Pelo Mundo.

Comentários pelo Facebook
728x90

5 COMENTÁRIOS

  1. Cada vez que volto ao blog Comer. Dormir. Viajar. encontro um lugar legal, continuem nos mostrando tudo que há de bom neste mundão de Deus

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here