Que Garibaldi tem um charme todo próprio a gente já sabe, e o Hotel Casacurta é parte fundamental da história e do patrimônio arquitetônico desta cidade. Um luxo que provamos, aprovamos e vamos contar em detalhes para você!

Garibaldi tem tudo o que se espera de uma cidade com ótima qualidade de vida, ruas calmas, um centro charmoso com casarões históricos que resistiram ao tempo e uma produção agrícola sustentável que lhe rendeu o posto de Capital Brasileira do Espumante, já que é responsável, junto com Bento Gonçalves, por 80% da produção nacional desta bebida.

A história de sucesso de Garibaldi é intimamente ligada a família de Sebastiano Casacurta que chegou por estas terras em 1870 junto a outros italianos. O empreendedorismo que corria nas veias deste imigrante fez com que aqui fosse instalado o primeiro hotel de toda região colonial, o Hotel Casacurta.

O prédio original era de madeira e funcionou até 1947 quando foi demolido para dar início a uma reconstrução idealizada por Angelo Carraro, um visionário que imaginou ali um lindo castelo como os que havia visto na França. O audacioso novo prédio foi inaugurado em 1953 e arrancou suspiros até mesmo do então vice presidente da república João Goulart que em 1955 citou:  “Tivéssemos ½ dúzia de Carraros e o Turismo já seria uma realidade no nosso Rio Grande”.

Hoje, mais de 60 anos depois, este hotel único continua sendo referência em requinte e elegância. Agora em uma nova fase, orquestrada pela família Nicolini, que restaurou com extremo bom gosto a propriedade adicionando todo o conforto das novas tecnologias e preservou ao máximo sua essência e tradição.

Quem vê somente a fachada do Hotel Casacurta possivelmente não imagina todo o encanto que este lugar ostenta em seu interior.

A atenção aos detalhes da decoração só não é mais impressionante que a excelência no atendimento e o cuidado que todos funcionários tem com os hóspedes. A hospitalidade é genuína. O carinho inclui recepção com espumantes premiadas e habitações pet friendly.

Três opções de acomodações são oferecidas, a Standard, com apartamentos menores, calefação, ventilador de teto, cama box e tv tela plana. Luxo, apartamentos um pouco maiores com ar condicionado e as Suítes, apartamentos mais amplos que contam com decoração vintage.

Ficamos hospedados na Suíte Luxo, em um quarto que já abrigou muitas autoridades, poetas, escritores e foi a habitação escolhida pelo presidente João Goulart (Jango) para passar a lua de mel com a bela Maria Teresa.

A acomodação arredondada, seguindo o desenho da torre em que se encontra, possui ótimo sistema de calefação (no quarto e no banheiro), ar condicionado, bancada de trabalho, ante-sala com mesa e cadeiras, janelas com mosquiteiro, ótimo isolamento contra luz externa e é ornamentada com lindos quadros do fotógrafo Kais Ismail Musa.

Depois de alguns momentos no lindo quarto fica difícil precisar exatamente em que ano estamos, e, sinceramente, com todo o charme e bom gosto deste hotel boutique histórico, não dá a mínima vontade de voltar à realidade do século XXI.

O Banheiro da suite possui ótima ducha e bom secador de cabelos. As amenities da marca L’Occitane são de excelente qualidade, todas da linha capim-limão com fragrâncias frescas e cítricas.

O roupeiro tem espaço para malas, possui gaveteiro, vários cabides, cobertas e travesseiros extras. No mini bar encontramos alguns produtos regionais e no frigobar pequenas garrafas de espumantes. Os preços praticados estão na média da região e abaixo do que é cobrado em hotéis do mesmo porte em cidades como gramado e Canela. – Valores nas fotos verificados em 12/2017 –

O café da manhã é servido em uma das salas mais lindas do Hotel Casacurta. O ambiente preserva o piso taqueado original, mobiliário antigo e as clássicas luminárias de cristal, tudo isto somado à muita luz natural.

Os pratos servidos são variados e estão divididos em 3 diferentes estações. As opções incluem frutas frescas, iogurtes, sucos naturais, cereais, vários pratos quentes, doces,  salgados, bolos e pães artesanais.

As áreas comuns da construção histórica seguem muito bem preservadas, mesmo nos setores mais modernos o charme foi mantido. Muito disto deve-se a profunda dedicação de Jurema Nicolini que é uma apaixonada por orquídeas e mantém o Hotel Casacurta sempre cheiroso e bem decorado.

O mobiliário em estilo provençal merece destaque, assim como os pisos de mármore e as peças religiosas expostas. Não é surpresa que tantas produções de moda e de cinema busquem locação por aqui.

Água saborizada, café e biscoitos ficam à disposição dos hóspedes logo na entrada de quem chega pelo estacionamento privativo. Aliás, o estacionamento é protegido e gratuito para os hóspedes.

O hotel também dispõe de piscina aquecida, sala de massagens e uma academia de ginástica bem equipada, com aparelhos modernos e possibilidade de contratação de personal trainer.

A estrutura de eventos é modulável e conta com projetor e tela de projeção, WiFi livre para os participantes, palco, microfones, sistema de som, ambiente climatizado, serviço de coffee break e café da manhã executivo.

Os proprietários do hotel continuam revitalizando, modernizando e ampliando as áreas de uso comum. No momento de nossa visita três espaços estavam na lista para um remodelamento: O salão de jogos e de tv, a brinquedoteca e a adega.

Para completar nossa experiência única e inesquecível, no momento do check out recebemos um pequeno kit para viagem com águas, frutas e um amável cartão de “Volte Sempre”.

O Hotel Casacurta tem uma aura que conquista. É impossível eleger se o sentimento de bem estar é proporcionado pelo ambiente nostálgico, pelas cores e aromas, ou pelo atendimento que nos faz sentirmos entre amigos. Só o que podemos afirmar é que esta hospedagem é única e merece muito uma visita.

Recomendamos para estadia com a família completa (inclusive os pets) ou então para momentos únicos de romantismo em casal.

Reservando esta ou qualquer outra hospedagem por este link do Booking você encontrará ótimos preços e promoções e ainda ajudará nosso blog: booking.com/hotel/br/casacurta-bento-goncalves

Não perca nada desta viagem pela Serra Gaúcha, atualizamos constantemente novas matérias neste link: comerdormirviajar.com/tag/serra-gaucha

Você encontrará nossas fotos no instagram.com/comerdormirviajar
Para ver tudo o que postamos durante esta viagem basta buscar pela tag #CDVTripfenachamp2017

Hotel Casacurta
Luís Rogerio Casacurta, 510
Centro
Garibaldi
Rio Grande do Sul – Brasil
+55 54 3462 2166
hotelcasacurta.com.br

Comentários pelo Facebook
728x90

1 COMENTÁRIO

  1. Uau, que experiência fascinante! Com certeza vou experimentar, muito obrigado pelas dicas comerdormirviajar!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here